• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

1º Seminário do MPA acontece e reúne mais de 100 produtores locais

Evento aconteceu entre os dias 30 de novembro e 1 de dezembro e também elegeu a nova coordenação do estado do Rio de Janeiro

Publicado: 02 Dezembro, 2019 - 14h44 | Última modificação: 02 Dezembro, 2019 - 14h46

Escrito por: CUT Rio

Divulgação
notice

A CUT Rio esteve presente no 1° Seminário Estadual do MPA, que aconteceu na cidade de Magé entre os dias 30 de novembro e 1 de dezembro. Foi um evento cheio de alegria e com debates importantes sobre a vida sem agrotóxicos e o consumo consciente de alimentos de verdade.

O jeito que o Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) se organiza é oposto a lógica de agricultura que hoje impera no Brasil. De acordo com o Censo Agropecuário de 2017 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IPEA), houve um aumento de 20,4% no número de estabelecimentos que utilizam agrotóxicos, sendo destes 73% lavouras com menos de 20 hectares.

No MPA há uma preocupação com a produção até a chegada dos alimentos ao consumidor. Na produção se faz um processo humano, que respeita tanto o produtor, que não se contamina com o uso de agrotóxicos, quanto o consumidor que não ingere venenos. A ideia da organização desses trabalhadores é levar alimentos frescos o mais diretamente possível as famílias brasileiras

O movimento está organizado no estado do Rio de Janeiro desde 2013, estado esse que tem menos de 3% da sua população em área rural, causando uma dificuldade de produção para suprir até a demanda interna.

“Foi muito gratificante a participação da CUT,  pois tivemos a oportunidade de participar do seminário onde constituíram a coordenação para cuidar do Rio de Janeiro. Ver como eles trabalham o coletivo, como é feito, como é dividido e a importância que tem a presença deles contra os agrotóxicos.” disse Ligia Deslandes, Secretária Geral da CUT no Rio de Janeiro.